Thiago Mozer conquista três ouros e soma sete em sua carreira nos Jogos Escolares

Piauiense de 14 anos encerra sua participação com títulos na simples, duplas e duplas mistas no badminton / Foto: Gaspar Nóbrega/Exemplus/COBPiauiense de 14 anos encerra sua participação com títulos na simples, duplas e duplas mistas no badminton / Foto: Gaspar Nóbrega/Exemplus/COB

Curitiba - O piauiense Thiago Mozer fez barba cabelo e bigode no badminton dos Jogos Escolares da Juventude Curitiba 2017. Aluno da Escola Municipal Nossa Senhora da Paz, de Teresina (PI), Thiago conquistou os títulos no torneio de simples, duplas masculinas e duplas mistas, aumentando a sua coleção pessoal para sete medalhas de ouro e dois bronzes em sua carreira na maior competição escolar do Brasil.
 
Nos Jogos Escolares da Juventude de 2015 e de 2016, Thiago conquistou duas medalhas de ouro e uma de bronze em cada edição.
 
“Estou realizado. No ano passado conquistei os dois títulos de duplas, mas fiquei com o bronze no torneio de simples e dessa vez levei todas as medalhas de ouro”, disse Thiago, de 14 anos, que conheceu o esporte através do projeto Badminton na Escola aos oito anos de idade.
 
Thiago derrotou o paulista Gabriel Fonseca, da Escola Aletheia, de Campinas (SP), na final de simples por 2 sets 1, com parciais de 21/14, 15/21 e 21/13. Nas duplas masculinas, ao lado de Marcos Sousa, Thiago derrotou Gabriel Fonseca e Vinicius Noda, de São Paulo, por 2 a 0 (21/13 e 21/18). Com Juliana Vieira, nas duplas mistas, a vitória na decisão foi sobre a outra dupla do Piauí, formada por Julia Vieira, irmã de Juliana, e Marcos Sousa, com o placar de 21/13 e 21/10.
 
Thiago já conheceu diversos países do mundo por causa do esporte. Em 2012, ele se sagrou campeão sul-americano de duplas mistas, em competição disputada em Santiago do Chile. Em 2015, no pan-americano de Tijuana, no México, Thiago foi campeão de simples.
 
“O badminton é tudo na minha vida. Por causa do esporte aprendi a ter mais disciplina, melhorei na escola, até porque para me manter nas categorias de base da seleção brasileira é preciso ter nota boa. Sem contar as viagens que o esporte já me proporcionou”, afirmou.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook