Esgrimista Rayssa Costa agradece torcida pelo apoio na Rio 2016

Atleta competiu na arma espada nas provas individual e por equipes / Foto: Bizzi/FIEAtleta competiu na arma espada nas provas individual e por equipes / Foto: Bizzi/FIE

Rio de Janeiro - A esgrimista Rayssa Costa concluiu sua primeira participação em Jogos Olímpicos. Na Arena Carioca 3, a brasiliense de 25 anos competiu nas provas individual e por equipes da arma espada.
 
Na estreia individual, derrotou a suíça Tiffany Géroudet por 15 x 13. Na segunda rodada, foi superada pela vice-líder do ranking mundial, a tunisiana Sarra Besbes, por 15 x 8.
 
Rayssa falou sobre a energia da torcida e ter representado o Brasil nas Olimpíadas. "Consegui crescer durante o meu primeiro combate e executar o que eu tinha estudado. Ouvi a torcida e utilizei a energia positiva ao meu favor. Fui a primeira mulher a ganhar um combate na história da esgrima brasileira e com isso, abri portas para os meus amigos que competiram depois e consegui mais visibilidade para o esporte", ressaltou Rayssa.
 
A esgrimista também disputou a prova por equipes ao lado de Amanda Simeão e Nathalie Moellhausen. As brasileiras foram superadas pela Ucrânia, por 45 x 32, na primeira rodada. Ainda assim, Rayssa afirma que a equipe vem evoluindo nas últimas competições. "Estamos crescendo, com certeza. Estamos mais unidas e focadas. Sabemos que precisamos trabalhar duro ainda e ajustar muitos pontos, porque a nossa equipe é muito jovem. Adquirir experiência é fundamental para o nosso crescimento", afirmou.
 
A torcida brasileira encheu a arquibancada da Arena Carioca 3, local que foram disputadas todas as provas de esgrima. Para a atleta, um fator fundamental. "Nunca tinha jogado com o apoio de uma torcida tão grande como a que tive durante a Olimpíada, foi simplesmente incrível! Com certeza me ajudou muito e me fez querer dar mais orgulho ao nosso país. Ao ter este apoio, percebi ainda mais que o meu esforço de anos e anos de trabalho valeu a pena!", finalizou.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Curta - EA no Facebook