Brasil é medalha de ouro no Campeonato Sul-Americano de Karatê

A atleta Anna Laura Prezzoti, de 15 anos, já é tetracampeã brasileira e, com essa vitória, garante a vaga no Campeonato Pan-Americano Sub-14, Cadete, Junior e Sub-21, em agosto na Argentina / Foto: DivulgaçãoA atleta Anna Laura Prezzoti, de 15 anos, já é tetracampeã brasileira e, com essa vitória, garante a vaga no Campeonato Pan-Americano Sub-14, Cadete, Junior e Sub-21, em agosto na Argentina / Foto: Divulgação

Bolívia - Aos 15 anos, Anna Laura Prezzoti é uma das mais jovens e grandes revelações do Karatê brasileiro. A atleta, que já é Tetracampeã Brasileira de Karatê, acaba de conquistar mais uma medalha de ouro no Campeonato Sul-Americano, realizado na Bolívia. A vitória garante sua vaga no Panamericano de Karatê, que acontecerá em agosto em Buenos Aires, na Argentina.
 
De Amparo, interior de São Paulo, a carateca vem se empenhando ao máximo para obter cada uma dessas conquistas no esporte, dividindo sua rotina entre estudos e muito treino. Na Bolívia, foram três lutas: a primeira ela ganhou de 10 x 0; a segunda de 8 x 0 e a última de 5 x 0.
 
A jovem mal desembarca em São Paulo no domingo, 2 de julho, e já precisa arrumar as malas novamente com destino a Nova-Delhi, na Índia, onde disputará pela primeira vez o Mundial Combat Games, que acontecerá de 7 a 15 de julho.
 
Em 2017, Anna Laura foi selecionada para integrar o Projeto Olímpico da Federação Paulista de Karatê, que visa a preparação dos melhores atletas para a competição nas próximas Olimpíadas - 2020 e 2024-. E será treinada por um dos mais respeitados nomes do esporte, o técnico Geraldo de Paula.
 
Atualmente, em sua cidade, Anna Laura tem acompanhamento do Sensei Fernando Hisatugo do Grupo Hisatugo de Karatê de Amparo, além de cuidados com Fisioterapeuta, Nutricionista e Treinamento Funcional em prol da saúde e melhor desempenho nas disputas.
 
Anna Laura descobriu seu talento para o esporte em cima do próprio tatame, onde começou a praticar karatê aos 9 anos por hobbie. Nos últimos quatro anos, ela passou a treinar diariamente e a participar de campeonatos em todo o País, além de competições mundiais fora do Brasil.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook