Karateca Anna Prezotti sobe ao pódio em Santiago

De olho em Paris 2024 / Foto: Wander Roberto/Exemplus/COBDe olho em Paris 2024 / Foto: Wander Roberto/Exemplus/COB

Chile - O caratê fará sua estreia no Programa Olímpico em Tóquio 2020, mas para Anna Laura Prezzoti, que nesta sexta-feira, dia 6, conquistou o bronze nos Jogos Sul-americanos da Juventude, o foco é Paris 2024. Aos 15 anos, a jovem representante do Time Brasil em Santiago quer usar o resultado alcançado em sua primeira grande competição internacional como motivação para chegar bem preparada nos Jogos Olímpicos 2024.
 
“Para Tóquio não dá, mas para 2024 já estou treinando para que tudo dê certo. É o sonho olímpico. Quero treinar bastante e fazer um trabalho psicológico para controlar o nervosismo”, explicou a carateca da cidade de Amparo, no interior de São Paulo.
 
Anna começou no caratê aos oito anos por influência do irmão e, nos Jogos Sul-americanos da Juventude, alcançou o principal resultado da ainda curta carreira. “Foi muito bom. Achei que dava até para ter chegado, mas foi por alguns detalhes que não deu. A experiência de representar o Time Brasil foi muito legal e agora é treinar mais e mais para conquistar meus objetivos”.
 
A medalha de ouro da categoria 59kg ficou com a colombiana Roxane Pacheco e a prata com Melanie Perez, da Venezuela.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook