Time Brasil conquista mais 17 medalhas em Santiago

País já soma 42 pódios na competição continental / Foto: Divulgação/COBPaís já soma 42 pódios na competição continental / Foto: Divulgação/COB

Chile - Mais um dia de muitos pódios para o Time Brasil nos Jogos Sul-americanos da Juventude Santiago 2017. Nesta segunda-feira, dia 2, a nova geração do esporte brasileiro conquistou 17 medalhas em quatro diferentes modalidades na competição continental. Agora, o país já soma 42 conquistas.
 
O judô despediu-se dos Jogos com 100% de aproveitamento. Com mais quatro medalhas nesta segunda, todas os atletas das sete categorias que lutaram em Santiago subiram ao pódio sul-americanos. “A competição foi de alto nível, com atletas fortes e experientes. Esse campeonato já é uma porta de entrada para os Jogos Olímpicos da Juventude do ano que vem e eu espero continuar conquistando títulos e estar em Buenos Aires em 2018”, projetou a extrovertida Eduarda Vaz, que pensa em estudar publicidade e que ficou em sétimo lugar no último Campeonato Mundial, no mês passado, também em Santiago.
 
Já a natação brilhou mais uma vez. Foram mais nove medalhas nesta segunda-feira. A modalidade já soma 26 medalhas e ainda haverá disputas na piscina do complexo esportivo do Estádio Nacional até o dia 5.
 
Na esgrima, foram dois bronzes. Guilherme Murray, no florete, e Giorgia Giordano. “Como esta competição acontece logo depois do Campeonato Sul-americano de esgrima, eu já sabia quem estaria aqui e qual seria o nível. Estava bem equilibrado. Os dois combates que fiz não foram fáceis. Eu queria o ouro, mas estou feliz”, comentou Guilherme.  O esgrimista também destacou a experiência de conviver com aletas de outras modalidades. “Está sendo bem legal e divertido. É bem interessante. A impressão que eu tenho é como se eu estivesse no Parque Olímpico do Rio”, refletiu o jovem.
 
O remo deixou a sub-sede de Viña del Mar com outros dois bronzes, no single skiff.
 
Outro bom resultado do dia veio no boxe. Yuri Kauan, do peso leve, classificou-se para a final e enfrentará o argentino Augustín Chaves na decisão da medalha de ouro. “Representar o Brasil na final é a melhor coisa que tem no mundo. É a minha primeira competição internacional e eu falei para mim mesmo que não ia perder essa oportunidade única. Eu vim de muito longe para estar aqui e vou ganhar”, disse o confiante pugilista de 16 anos de Manaus (AM).
 
No tênis, a dupla formada por Thiago Wild e Matheus Alves avançou para a semifinal, onde enfrenta a Venezuela, nesta terça, que também terá a estreia do badminton e ciclismo pista.
 
Confira as medalhas do Time Brasil nesta segunda, dia 02/10:
 
Ouro
 
Judô
Eduarda Vaz – até 78kg
Maria Eduarda Paiva – até 63kg
 
Natação
Ana Carolina Vieira – 100m peito
Kaique Alves – 200m medley
Rafaela Trevisan – 200m livre
Revezamento 4x100m livre masculino
 
Prata
 
Natação
Bruna Monteiro – 50m peito
Camila Lins – 200m livre
Pedro Henrique Motta – 200m costas
 
Bronze
 
Esgrima
Giorgia Giordano - Espada
Guilherme Murray – Florete
 
Judô
Carlos Macedo – até 100kg
Gustavo Guimarães – até 81kg
 
Natação
Bruno Susuki – 200m medley
Maria Luiza Pessanha – 200m borboleta
 
Remo
Isabella Ibeas (single skiff)
Warley Rocha (single skiff)
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook