Corinthians-Guarulhos chega à Taça Ouro em busca de uma vaga para a Superliga

Com jogadores experientes e ‘peso’ da camisa, elenco chega ao Rio de Janeiro em busca do principal objetivo do clube alvinegro neste ano: a vaga na Superliga A. Para isso, equipe precisa ser campeã da Taça Ouro / Foto: Nícolas Ornellas/Corinthians-GuarulhosCom jogadores experientes e ‘peso’ da camisa, elenco chega ao Rio de Janeiro em busca do principal objetivo do clube alvinegro neste ano: a vaga na Superliga A. Para isso, equipe precisa ser campeã da Taça Ouro / Foto: Nícolas Ornellas/Corinthians-Guarulhos

Rio de Janeiro - A camisa tem peso, os jogadores são campeões mundiais, olímpicos e experientes. Essa somatória dá ao Corinthians-Guarulhos maturidade para a disputa da Taça Ouro e, além disso, coloca a equipe paulista como a favorita para o título e logo, para ficar com a vaga na Superliga 2017/2018.
 
“Todos nós estamos cientes do que é preciso fazer aqui no Rio de Janeiro, todos sabiam desde o início do projeto que disputaríamos a Taça Ouro e é o nosso foco principal. Estamos criando uma identidade enquanto equipe, construindo um padrão de jogo. Sexta-feira, 11, começa a nossa disputa em busca do nosso principal objetivo no ano e daí para frente é um passo de cada vez. Fazer a nossa parte nos primeiros jogos para que domingo possamos buscar essa nossa vaga na bola. Temos outras equipes também com vontade de jogar a Superliga, mas a nossa vontade é maior que a deles. Vamos respeitar todos os adversários, mas vamos com tudo para conquistar essa vaga”, salientou o líbero Serginho.
 
Apesar de tantos adjetivos a favor, o time comandado pelo técnico Alexandre Stanzioni sabe que é preciso ganhar na bola. Serão três jogos seguidos em busca do principal objetivo da temporada. O treinador alvinegro ressalta a importância de deixar o melhor em quadra, independente do momento que a equipe está na temporada.
 
“Temos que cuidar da nossa performance. Não sabemos como os adversários vão estar, não tivemos muitas informações deles, mas para o momento temos uma boa condição”, analisou Alexandre Stanzioni.
 
Para ele, a Copa SP foi um termômetro positivo. “Usamos a Copa SP para fazer uma avaliação de como estávamos naquele momento dos treinamentos. Ganhar ou perder pouco importou no fim das contas, mas sim tirar de lição os jogos que nós fizemos, o que nos ajudou nos ajustes de treinamento visando a Taça Ouro. Nosso objetivo maior é estar na Superliga, mas não entendo isso como pressão. Temos essa oportunidade, como poderíamos nem a ter. Vamos jogar em nosso máximo para buscar nosso objetivo. Temos que ter a inteligência de usar o que temos de melhor nesse momento e alavancar nosso potencial”, finalizou.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook