Vôlei Nestlé conta com apoio da torcida para empatar semifinal da Superliga

Bia em ação / Foto: João Pires/FotojumpBia em ação / Foto: João Pires/Fotojump

São Paulo – O Vôlei Nestlé recebe o Dentil/Praia Clube nesta segunda-feira, dia 2 de abril, em busca da vitória para empatar o playoff semifinal da Superliga 2017/18. O objetivo para o jogo quatro da série melhor de cinco é repetir a história da segunda rodada desta fase, quando bateu o adversário empurrado por 4 mil pessoas que lotaram as arquibancadas do José Liberatti.
 
Se conseguir o resultado positivo na partida que começa às 21h30 (com transmissão do Sportv), a equipe de Osasco leva a decisão para o quinto e último confronto, programado para a próxima sexta-feira, dia 6, em Uberlândia.
 
Maior pontuadora da Superliga, com 557 acertos, Tandara mantém a confiança na força da equipe do Vôlei Nestlé. ”Perdemos os dois jogos em Uberlândia no detalhe. E aqui, em Osasco, a nossa torcida faz toda a diferença. É o nosso sétimo jogador em quadra. A série ainda não acabou e vamos usar nossa casa como fator decisivo para empatar o playoff e levar a decisão para o quinto jogo”, garante a oposta, que já superou em 194 pontos o desempenho da temporada passada, quando derrubou a bola na quadra adversária 363 vezes.
 
Bia também apresenta desempenho superior em seu fundamento preferido, o bloqueio. Na Superliga passada, o paredão da central do Vôlei Nestlé funcionou 107 vezes. Na rodada passada, no terceiro jogo da semifinal, ela atingiu a marca de 111 bloqueios. “Eu gosto muito de bloquear e, por isso, me dedico bastante nos treinos. Mas os resultados individuais são importantes quando são convertidos em vitórias. Vamos conseguir chegar ao nosso objetivo, que é o título da Superliga, como um time, um jogo bem distribuído e todo mundo ajudando”, promete.
 
Na série entre Vôlei Nestlé e Dentil/Praia Clube, o fator casa tem sido determinante. A equipe de Uberlândia ganhou os dois jogos disputados em Minas Gerais (3 sesta 2 na abertura do playoff e 3 a 1 na último duelo), enquanto a equipe de Osasco dominou o adversário no José Liberatti, ganhando por 3 sets a 1.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook