Nos pênaltis, Brasil passa pela Austrália e vai às semifinais

Suécia, Alemanha e Canadá são as outras semifinalistas - Estados Unidos ficaram fora / Foto: Pedro Vilela/Getty ImagesSuécia, Alemanha e Canadá são as outras semifinalistas - Estados Unidos ficaram fora / Foto: Pedro Vilela/Getty Images

Rio de Janeiro - O Brasil segue na disputa por sua terceira medalha Olímpica no futebol feminino. Vice-campeãs em Atenas 2004 e Pequim 2008, as brasileiras passaram sufoco, mas venceram a Austrália nos pênaltis nesta sexta (12), no Mineirão, em Belo Horizonte (MG), e se classificaram para a a semifinal.
 
O tempo normal e a prorrogação terminaram 0 a 0. Nos pênaltis, o Brasil venceu por 7 a 6 e contou com a estrela de Barbara, que defendeu duas cobranças. Na semifinal, a seleção enfrentará a Suécia, que eliminou os Estados Unidos. 
 
"Eu garanto que nós saímos daqui muito mais fortes", comemorou a capitã Marta. 
 
O primeiro tempo da partida foi muito equilibrado. A atacante Debinha teve as melhores chances de gol do Brasil e a Austrália não conseguiu aproveitar as falhas da defesa brasileira para abrir o placar. O segundo tempo seguiu no mesmo ritmo. Aos 40 minutos, Logarzo chutou forte de fora da área e acertou o travessão do Brasil. Cinco minutos depois, Andressa Alves cabeceou no cantinho direito, mas a goleira australiana Williams fez uma grande defesa. Na prorrogação, o Brasil insistiu, mas não conseguiu finalizar com perigo. 
 
Nos pênaltis, a série inicial de cinco cobranças terminou empatada em 4 a 4 - Marta desperdiçou a cobrança brasileira e Katrina Gorry perdeu para as asutralianas. Após duas cobranças alteranadas, a goleira Barbara foi a heroína da classificação, defendendo o chute de Alanna Kennedy e fazendo o Mineirão explodir em festa. 
 
"A Marta é a melhor do mundo, não podia ser julgada pelo pênalti perdido", disse Barbara, após a decisão por pênaltis.
 
Suécia, Alemanha e Canadá também se classificaram - A Suécia será a adversária do Brasil na semifinal, depois de se tornar a grande surpresa da competição. O time eliminou os Estados Unidos nos pênaltis por 4 a 3, depois de empate por 1 a 1 no tempo normal e na prorrogação, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF). As americanas disputaram todas as decisões Olímpicas desde que o futebol feminino entrou para os Jogos, em 1996, e ganharam quatro medalhas de ouro e uma de prata. Pela primeira vez na história, ficarão fora do pódio.
 
A outra semifinal será entre Alemanha e Canadá. As alemãs eliminaram a China, com a vitória por 1 a 0, na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), enquanto as canadenses bateram a França pelo mesmo placar, com um golaço de Sophie Schmidt, na Arena Corinthians, em São Paulo (SP). 
 
As semifinais acontecem na terça (16). Brasil e Suécia se enfrentam às 13h, no Maracanã, enquanto Alemanha e Canadá medem forças às 16h, no Mineirão. A decisão será na sexta (19), às 17h30, no Maracanã.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Curta - EA no Facebook