"Ready-to-play": o gramado instalado exclusivamente para as finais do futebol

A grama plantada em Saquarema foi transferida para o Maracanã em quatro dias / Foto: Rio 2016A grama plantada em Saquarema foi transferida para o Maracanã em quatro dias / Foto: Rio 2016

Rio de Janeiro - Dez dias depois da Cerimônia de Abertura dos Jogos Rio 2016, o Maracanã foi reaberto hoje com um novíssimo gramado para as finais do futebol. A grama antiga havia sido retirada para a montagem do espetáculo que encantou o mundo. Enquanto isso, uma outra estava sendo mantida em Saquarema, numa lavoura a cerca de 120km do estádio.
 
O projeto é liderado pela área de Operação das Instalações do Rio 2016. Um time de especialistas analisou a melhor solução para entregar um gramado que possibilitasse a realização de jogos apenas alguns dias depois da instalação. Adotado em eventos como a Copa América Centenário e a Eurocopa, o conceito ready-to-play (ou pronto para o jogo, em português) está sendo usado pela primeira vez no Brasil. O gramado Olímpico do Maracanã é formado por grama Bermuda Celebration. As sementes foram importadas da Dinamarca. 
 
Depois de uma série de estudos, ficou definido que a grama seria trazida em rolos medindo 12 metros de comprimento por 1,20m de largura. A espessura é acima da média usada em outros projetos, para dar estabilidade e segurança para a performance dos atletas. Os 640 rolos foram transportados por 35 caminhões escoltados pela Força Nacional, durante as noites e madrugadas, período de temperatura mais amena. A operação durou cerca de 80 horas, entre os dias 8 e 12 de agosto.
 
O Maracanã vai receber a semifinal feminina, entre Brasil e Suécia, nesta terça-feira, às 13h, a semifinal masculina, entre Brasil e Honduras, na quarta-feira, às 13h, a final feminina na sexta-feira, às 17h30, e a final masculina, no sábado, também às 17h30. No domingo, será palco da Cerimônia de Encerramento. 
 
“Foi necessário um planejamento específico, integrando o trabalho de todos os envolvidos para a realização das duas cerimônias e também das finais do futebol”, explica o Gerente de Operações do Rio 2016, André Bello. 
 
Depois dos Jogos Paralímpicos, o Rio 2016 vai trocar novamente o gramado para entregar o Maracanã novinho em folha.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Curta - EA no Facebook