A vez do Rio

Chama olímpica se apaga no Estádio Olímpico de Londres e voltará a brilhar nos Jogos de 2016/ Foto: Alaor Filho/AGIF/COBChama olímpica se apaga no Estádio Olímpico de Londres e voltará a brilhar nos Jogos de 2016/ Foto: Alaor Filho/AGIF/COB

Londres- Quando a delegação brasileira passou com o puglista medalha de prata, Esquiva Falcão, como porta-bandeira, os quase 80 mil espectadores presentes ao Estádio Olímpico foram ao delírio. Eram 21h41 da noite mágica de Londres. Mais tarde, a chama de apagou, mas não a certeza de que quatro anos mais tarde ela voltará ainda mais reluzente nos Jogos Olímpicos 2016. Londres passou o bastão para o Rio na certeza de que o esporte brasileiro estará ainda mais forte na luta por medalhas.
 
Ao todo, foram mais de quatro mil artistas e sete mil voluntários mobilizados na festa de encerramento, que teve 2h30 de duração, sem contar a cerimônia de premiação da maratona masculina. No telão, o público pôde rever as imagens dos grandes momentos dos Jogos Olímpicos Londres 2012.
 
O segundo ato começou com o desfile dos atletas, com todos os porta-bandeiras das 204 delegações participantes juntos 'como uma só nação', e a entrada no estádio das bandeiras de Grécia, Grã-Bretanha e Brasil, próximo país a sediar o evento.
 
Um dos pontos altos da festa foi a homenagem ao beatle John Lennon, assassinado em 1981, e ao cantor Freddie Mercury, vocalista da banda Queen, que morreu dez anos mais tarde. Oitenta mil vozes cantaram “Imagine”, a canção mais popular de John Lennon. Depois, um holograma de Freddie Mercury abriu uma pequena apresentação de Brian May e Roger Taylor, os remanescentes do lendário grupo Queen.
 
Outro grupo homenageado foi o Pink Floyd. Ed Sheeran cantou “Wish you were here” acompanhado por Nick Mason, baterista original da banda. Também estiveram presentes à festa os cantores Liam Gallagher (Oasis), Ray Davies, George Michael, Jesse J., e Annie Lennox, as bandas Pet Shop Boys e One Direction, além das Spice Girls, que fizeram um histórico reencontro para delírio do público.
 
O fim do terceiro ato foi um 'adeus a Londres e um olá ao Rio', com o hasteamento das bandeiras de Grã-Bretanha, Brasil e Grécia e a cerimônia de entrega da bandeira olímpica pelo prefeito de Londres, Boris Johnson, ao prefeito do Rio, Eduardo Paes. Antes que a pira olímpica se apagasse, o estádio se transformou em um grande carnaval.
 
Os cantores Marisa Monte e Seu Jorge e o rapper BNegão comandaram a festa brasileira que ainda contou com a modelo Alessandra Ambrosio e o gari Renato Sorriso. Ao som de “Aquele abraço”, de Gilberto Gil, na voz de Seu Jorge, o eterno ‘Rei do Futebol’, Pelé, apareceu para abrilhantar a festa brasileira, que durou pouco mais de oito minutos, e dar uma pequena amostra ao mundo do que será a Rio 2016.
 
Após a chama olímpica ser apagadda, o legendário grupo The Who fechou com chave de ouro a cerimônia de encerramento com as músicas “Baba O´Riley” e “See me, feel me”.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook