Com barcos brasileiros, Fabiana Beltrame está pronta para a estreia

Fabiana Beltrame domina a raia no México / Foto:DivulgaçãoFabiana Beltrame domina a raia no México / Foto:DivulgaçãoGuadalajara - A raia da Laguna de Zapotlán, em Ciudad Guzmán, já não guarda segredos para o Time Brasil de Remo. Desde o dia 26 de setembro na cidade onde serão disputadas as regatas dos Jogos Pan-americanos Guadalajara 2011, os brasileiros estão ambientados para a competição, como conta a remadora Fabiana Beltrame, campeã mundial no single skiff peso leve.

"Normalmente levamos uma semana para nos adaptar aos barcos que alugamos. Desta vez, trouxemos os barcos do Brasil. Então continuamos remando nos mesmos de sempre. Isso nos deu tempo de conhecer logo a raia em que vamos competir", disse.

Para o início da competição, sábado, dia 15, a previsão é de ventos nordeste de 5km por hora. Fabiana não se impressiona.

"Se ventar forte faz marola e, para o remo, isso nunca é bom. Mas estamos habituados a remar com ainda mais vento. E aqui eles sopram mais forte à tarde, enquanto as competições são logo pela manhã", explicou.

O período na cidade deu a todos na delegação conhecimento sobre o regime de ventos da região. Isso aumentou a segurança da equipe para a competição. Fabiana diz que já se sente em casa.

"Toda a nossa equipe está há muitos dias aqui. Sabemos exatamente como é a raia que, aliás, está muito boa. A altitude não é muito grande, mas tem atleta que sente um pouco. Então, ter chegado antes nos fez muito bem. Os remadores dos EUA, por exemplo, só entraram na água hoje", contou.

Mesmo não tendo treinando todos os dias, Fabiana dá a preparação como concluída.

"Por causa do furacão, fecharam a raia um dia. Mas agora já está reaberta. Para nós, não houve prejuízo. Todos aqui comentamos que o Pan é muito importante para o Brasil. Vamos fazer nosso melhor", encerrou.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook