Brasil perde pra Itália e enfrenta os EUA

Lucianne/ Foto: Satiro Sodré / Divulgação CBDALucianne/ Foto: Satiro Sodré / Divulgação CBDA

Barcelona - O polo aquático feminino brasileiro foi derrotado pela Itália por 13 a 5 na última rodada da fase inicial do XV Mundial de Esportes Aquáticos, em Barcelona. As parciais foram de ITA 2 x 1 BRA / 6 x 0 / 2 x 1 / 3 x 3 A arbitragem foi de Anastasiya Skovpina, do Uzbequistão, e Mark Koganov, do Azerbaijão.
 
A equipe brasileira terminou na 4ª posição da chave D, sem pontuar. Agora, as brasileiras enfrentam a seleção primeira colocada da chave C, os Estados Unidos. O jogo será no próximo sábado, 27/3, às 12h30, de Brasília. A chave brasileira teve a Hungria, com seis pontos, seguida por Itália, quatro, e Cazaquistão, com dois pontos.
 
Depois de um primeiro quarto encorajador, em que as brasileiras encararam a Itália e perderam pela diferença mínima (2 x 1), abrindo o marcador num contra-ataque concluído por Marina Zablith aos 7'28" (empate italiano no ataque seguinte aos 7'11"), o segundo foi um show da experiente "squadra" italiana, que fez 6 a 0.
 
Nos quartos seguintes, o Brasil veio com a goleira Victoria Chamorro. O time equilibrou novamente a partida, contando também com um relaxamento das italianas. O terceiro quarto repetiu o placar do primeiro período, com um gol de Flavia Vigna pelo centro, aos 4'42", quando o placar apontava Itália 8 a 1.
 
No quarto final, as brasileiras empataram em três gols. Izabella fez o terceiro aos 3'27 quando estava 11 a 2. Após as italianas marcarem o 12º gol, o Brasil marcou duas vezes seguida com Melani Dias da linha de 5 metros aos 1'12", e Zablith em seu segundo gol no jogo, novamente em contra-ataque, aos 37", diminuindo para 5 a 12. A Itália fechou o placar ao 1 segundo para o fim com um arremesso de longe: 13 a 5.
 
Marina Zablith ficou o tempo inteiro na piscina - 32 minutos - seguida por Izabella, com 31'53. Adhara foi a única jogadora brasileira a não jogar desta vez. As artilheiras do jogo foram as italianas Giulia Emmolo, Roberta Bianconi e Arianna Garibotti, todas com três gols.
 
O Brasil jogou de toucas azuis com 1 - Manuela Canetti / 2 - Diana Abla / 3 - Marina Zablith (2 gols) / 4 - Marina Canetti (capitã) / 5 - Lucianne Maia / 6 - Adhara Santoro / 7 - Melani Dias (1) / 8 - Izabella Chiappini (1) / 9 - Victoria Muratore / 10 - Flavia Vigna (1) / 11 - Mirella Coutinho / 12 - Viviane Bahia / 13 - Victoria Chamorro. Técnica: Sandy Nitta. Auxiliar-técnico: Roberto Chiappini.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook