Jessica Cavalheiro estreia no Mundial de Natação nesta quinta-feira

Jessica Cavalheiro no Parque Olímpico de Montjuic,em Barcelona / Foto: DivulgaçãoJessica Cavalheiro no Parque Olímpico de Montjuic,em Barcelona / Foto: Divulgação

São Paulo - Jessica Cavalheiro, atleta do Sesi-SP e da Seleção Brasileira de Natação, estreia na piscina de Parque Olímpico de Montjuic, em Barcelona (ESP), para a disputa do Campeonato Mundial Absoluto de Natação nesta quinta-feira (1º). Junto a Manuella Lyrio, Carolina Bilich e Larissa Oliveira, a mineira compete a partir das 10h, no horário local (5h no horário de Brasília), o revezamento 4 x 200 m livre no mesmo dia em que completa 22 anos. A final está prevista para o período da tarde. 
 
Na capital catalã desde 20 de julho, os dias que antecedem à prova têm sido de concentração, treinos e adaptação para Jessica. "Agora já estamos treinando normalmente. Chegamos antes para nos acostumarmos ao clima e ao fuso horário. Treinamos inclusive na piscina da competição. O momento é de concentração. Fomos à Igreja Sagrada Família para uma oração final, e, aos poucos, entramos no espírito competitivo", conta a nadadora.
 
"Chegar à cidade antes foi excelente. Barcelona, que normalmente já é sensacional, está respirando a competição. Todos estão felizes, participativos e são muito organizados, buscando o melhor para os atletas sempre. Nas ruas, encontramos cartazes sobre o Mundial em todas as partes. É envolvente", completa.
 
Jessica tem ido ao Parque Olímpico de Montjuic acompanhar as provas e também pode torcer para as medalhistas das maratonas aquáticas Ana Marcela, companheira de clube, e Poliana Okimoto (Fiat/Minas). "É importante ver como está o ritmo da competição, além de ser uma oportunidade para aprender com os grandes nomes da natação mundial. Inclusive, fui assistir a consagração de um trabalho sensacional que eu tive o prazer de acompanhar, com a Ana Marcela e a Poliana. As conquistas delas me motivam muito".
 
Sobre a expectativa para a estreia, bem no dia de seu aniversário, a nadadora diz que está vivendo a maior experiência de sua vida. "A esperança é grande, mas estou tranquila. Às vezes me pego pensando em como vai ser e como vou nadar. É diferente de tudo que já vivi", conclui.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook