Leonardo de Deus em mais uma semifinal

Leo de Deus, classificado para a semifinal dos 200m costas / Foto:  Satiro Sodre/SSPressLeo de Deus, classificado para a semifinal dos 200m costas / Foto: Satiro Sodre/SSPress

Barcelona - Leonardo de Deus disputará a décima semifinal brasileira no Mundial dos Esportes Aquáticos de Barcelona. Ele completou em 1m59s16 os 200m costas e está com a 15ª posição para a segunda fase. Leo foi a final dos 200m borboleta e terminou no oitavo lugar (1m56s44).
 
"Não estava tão bem no aquecimento, não me senti em cima da água, pra nadar. Tive que fazer força. Fui dormir pensando nos 150m dos 200m borboleta em que virei em quarto, fiquei pensando, mirabolando. O tempo não gostei. Mas estou na semifinal, fiz meu trabalho e tenho que nadar pro meu melhor, e se conseguir, consigo outra final na minha carreira. Tenho que melhorar pois com 1m59s1, não vou fazer nada", resumiu Leonardo.
 
Alessandra Marchioro, em sua primeira caída na água neste Mundial, fez 56s16 e terminou no 32º lugar. "Acho que estou mais treinada e motivada pros 50 pra esta competição. Vamos ver o que vai sair neste 50m. Treinei pras duas provas, mas tive um probleminha (nota: lesão no joelho esquerdo) e foi um pouco difícil o polimento (descanso), e aí tive que focar mais nos 50m. Não sei porque não encaixou hoje, estava calma, acertei os fundamentos, mas talvez não tenha acertado as parciais, nadar no canto é ruim, pois não temos muita noção (nota: Alê nadou na raia 0 da última série), mas estou tranquila", disse.
 
O revezamento feminino de 4x200m livre terminou na 10ª posição. Jessica Cavalheiro (2m02s72), Manuella Lyrio (2m00s64), Larissa Oliveira (2m02s94) e Carolina Queiroz (2m03s17) somaram 8m09s47. "Esperávamos muito mais, nossa expectativa era essa, porque a Manu nadou muito bem, batendo o recorde sul-americano dos 400m livre, e a Larissa abriu muito bem o reveza 4x100m livre. Mas ficamos muito ansiosas, nervosas e fizemos uma prova alheia, não encaixou, eu não correspondi. Mas a experiência foi válida, a CBDA nos trouxe e foi bom pois aprendemos, da pior maneira, errando, mas aprendemos. Tenho certeza que nas próximas competições, nadaremos melhor, pra quebrar este recorde sul-americano, que já tem bastante tempo (nota: 8m05s29 do reveza brasileiro, finalista dos Jogos de Atenas/2004)", concluiu Jessica Cavalheiro, aniversariante do dia, 22 anos, e que abriu a prova para o Brasil.
 
Na tarde desta quarta-feira, 1/08, a partir das 13h, Thiago Pereira, Etiene Medeiros e Marcelo Chierighini estarão na decisão por medalhas, respectivamente, dos 200m medley, 50m costas e 100m livre.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook