Reta final de Sochi terá brasileiros no esqui alpino e bobsled

Brasileira acredita que iluminação artificial no Slalom nesta sexta (21) seja interessante para a prova / Foto: Divulgação CBDNBrasileira acredita que iluminação artificial no Slalom nesta sexta (21) seja interessante para a prova / Foto: Divulgação CBDN

Rio de Janeiro - O Brasil ainda participa de três disputas na reta final dos Jogos Olímpicos Sochi 2014. A maior delegação latino-americana dos Jogos volta duas vezes às montanhas do Rosa Khutor Alpine Center com Maya Harrison, na sexta-feira, dia 21, e Jhonathan Longhi, no sábado, 22, ambos para a prova de slalom, o mais técnico dos eventos de esqui alpino.

No sábado e domingo, o quarteto masculino de bobsled do Brasil retorna aos Jogos Olímpicos após a ausência em Vancouver 2010. A cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos de Inverno Sochi 2014 está marcada para o domingo, dia 23, às 13h (de Brasília) no Estádio Fisht.

Maya Harrisson compete no slalom a partir das 9h45 (de Brasília) desta sexta-feira, dia 21. A segunda bateria está marcada para as 13h15, 20h30 em Sochi. “Estou feliz porque será uma prova disputada à noite. Acho legal, com iluminação artificial e um ambiente diferente. Tomara que o tempo esteja bom”, disse Maya, que disputou o slalom gigante na terça-feira, dia 18, alcançando a 54ª colocação entre as 88 atletas que iniciaram a prova, superando sua participação em Vancouver 2010. “Meus objetivos aqui em Sochi são melhorar os resultados de Vancouver e eu já consegui na primeira prova. Estou feliz”, afirmou a brasileira, que deixou o Brasil antes de completar um ano e foi morar na Suíça.
 
Jhonatan Longhi é o outro brasileiro a disputar os eventos de esqui alpino nos Jogos. Longhi participa do slalom no sábado, 22, nos mesmos horários que Maya. Na quarta-feira, dia 19, Jhonatan alcançou a 58ª colocação entre os 109 atletas que iniciaram o slalom gigante.
 
Depois da ausência em Turim 2008, o quarteto masculino de bobsled do Brasil volta a participar dos Jogos Olímpicos de Inverno. Sob a direção do piloto Edson Bindilatti, que esteve em Salt Lake 2002 e Turim 2006, o trenó brasileiro terá também Edson Martins, Odirlei Pessoni e Fábio Silva. As duas primeiras baterias estão marcadas para sábado, às 13h30 e 15h. As baterias finais serão realizadas no domingo, às 6h30 e 8h, sempre de Brasília.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook