Após abertura, tiro esportivo estreia nas competições olímpicas

Felipe Wu ao ganhar a Copa do Mundo do Azerbaijão / Foto: Divulgação/ ISSFFelipe Wu ao ganhar a Copa do Mundo do Azerbaijão / Foto: Divulgação/ ISSF

Rio de Janeiro - Vai começar para valer os Jogos Olímpicos Rio 2016. E o tiro de partida será dado, literalmente, sábado, 06/08, no Centro Olímpico de Tiro, em Deodoro, a partir das 08h30. As mulheres da carabina de ar, 10m, serão as primeiras competidoras a entrar no estande, para a disputa da fase de classificação.
 
A prova, onde cada atleta efetua 40 disparos em 50 minutos, contará com a presença de 52 participantes, entre elas duas medalhistas dos Jogos de Londres 2012, a chinesa Yi Siling, primeira colocada e a polonesa Sykvia Bogacka, que ficou com a prata. O Brasil será representado por Rosane Budag. Ao final da classificatória as oito melhores irão para o estande de finais e o público presente assistirá a conquista das três primeiras medalhas olímpicas da Rio 2016.
 
Felipe Wu e Julio Almeida competem à tarde - Passada a emoção da estreia, na parte da manhã, às 13h, acontecerá a competição mais aguardada do dia: pistola de ar 10m, para homens, que terá a presença de Julio Almeida, campeão pan-americano, e Felipe Wu, que além do Pan, também venceu duas etapas da copa do mundo de tiro esportivo este ano, em março, na Tailância e no último mês de junho, no Azerbaijão. Felipe chega aos Jogos como o primeiro colocado no ranking mundial, além de ser, segundo a mídia especializada, uma possibilidade real para o Brasil acabar com um longo jejum. Desde os Jogos da Antuérpia, em 1920, o tiro esportivo brasileiro busca conquistar uma medalha olímpica.
 
A prova de Felipe e Julio começa às 13h e terá a presença de 46 atletas, que terão 75 minutos para efetuar 60 disparos. O destaque é o coreano Jin Jongoh, dono de cinco medalhas olímpicas, três de ouro e duas de prata, que é considerado, segundo a maioria dos competidores, o melhor do mundo. Atual campeão olímpico, o atleta chega ao Rio de Janeiro como favorito. Felipe, Julio e os demais competidores tentarão derrubar esse favoritismo, que poderá ser comprovado a partir das 15h30, horário marcado para os oito finalistas mostrarem quem tem a melhor mira e quem ficará com as medalhas.
 
Tiro ao prato estreia no domingo - O domingo (07/08) será marcado pelo início da modalidade do tiro ao prato. Duas provas serão realizadas, ambas da fossa olímpica. Janice Teixeira entra no estande às 9h e meia-hora depois, Roberto Schmits inicia a competição masculina. A prova feminina é composta pelo lançamento de 75 pratos, em três séries de 25, com as seis melhores colocadas indo para a final, marcada para às 15h do próprio domingo. Já a disputa masculina é feita em dois dias. No domingo, 75 pratos, de um total de 125, são lançados. No dia seguinte, mais duas séries de 25 são lançadas e irão definir os seis finalistas que buscarão as medalhas a partir, também, das 15h. 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook