Mundial de Esportes Aquáticos é oportunidade de vagas olímpicas para bolsistas

A saltadora Juliana Veloso é a única brasileira garantida na seleção de Saltos Ornamentais que vai ao Mundial dos Esportes Aquáticos, em Xangai, em julho deste ano / Foto: Divulgação CBDAA saltadora Juliana Veloso é a única brasileira garantida na seleção de Saltos Ornamentais que vai ao Mundial dos Esportes Aquáticos, em Xangai, em julho deste ano / Foto: Divulgação CBDABrasília - Quatro atletas beneficiados pelo programa Bolsa-Atleta do Ministério do Esporte se classificaram para o Mundial de Esportes Aquáticos de Xangai, em julho, na China. A nadadora Michelle Lenhardt se classificou para competir no revezamento 4X100 m livre e os bolsistas dos saltos ornamentais Hugo Parisi, Rui Marinho e Juliana Veloso também conseguiram índice para competir no mundial.

Michelle se classificou para Xangai com a marca de 56s27 no revezamento durante o Troféu Maria Lenk no último fim de semana, no Rio de Janeiro. A atleta explicou que o mundial é a prioridade máxima da seleção brasileira de natação.

“Lá serão definidas quais equipes de revezamento vão para os Jogos Olímpicos Londres 2012. Para garantir vaga nas Olimpíadas, precisamos ficar entre as 12 melhores, mas nosso objetivo vai além, pois queremos chegar na final”.

A nadadora afirmou que o Bolsa-Atleta é de fundamental importância. “Com o benefício, tenho total tranqüilidade para melhorar a minha dieta alimentar, comprar suplementos, ter um nutricionista e também comprar roupa adequada para natação.”

Os saltadores se classificaram para o Mundial de Xangai no início do mês, durante o Grand Prix de Montreal, no Canadá.


Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook