Setúbal dá o tom para Xangai

Djenyfer Arnold terminou a prova portuguesa na 20ª colocação  / Foto: Satiro SodréDjenyfer Arnold terminou a prova portuguesa na 20ª colocação / Foto: Satiro SodréRio de Janeiro – Falta menos de um mês para largada das maratonas aquáticas no Mundial dos Esportes Aquáticos de Xangai e a etapa portuguesa da Copa do Mundo da modalidade em 10 km, realizada anualmente na cidade de Setúbal, deu neste fim de semana algumas pistas de quem pode sair da China com ouro, prata ou bronze na bagagem.

O time brasileiro principal está todo em treinamento de altitude visando Mundial de Xangai e Jogos Pan-americanos de Guadalajara. A Confederação optou por levar outros atletas, entre eles muitos juvenis, que já estão sendo preparados para enfrentar as principais disputas do planeta.

Na prova feminina, a alemã Angela Maurer, do alto de seus 36 anos, mostrou porque é uma das estrelas deste esporte e venceu ao completar a prova em 1h48m41. Angela ganhou o ouro no Mundial dos Esportes Aquáticos de Roma 2009, na prova de 25 quilômetros. Em Setúbal, ela foi seguida pela compatriota Isabell Donath (1h48m43) e pela grega Kalliopi Araouzou (1h48m51). As jovens brasileiras Monick Perez (2h02m46), Laurem Goulart (2h07m57) e Djenyfer Arnold (2h16m40) ficaram respectivamente em 17º, 18º e 20º lugar.

Entre os homens vitória para o grego Spyridon Gianniotis (1h40m29s). Ele mostrou que está em grande forma para tentar novo pódio mundial. No Mundial de Roma 2009 ele foi prata na disputa de 5 km. Atrás de Spyridon veio o búlgaro Petar Stoychev (1h40m31), seguido muito de perto pelo alemão Thomas Lurz (1h40m36). Thomas chegará em Xangai com o currículo recheado pelas medalhas de ouro nos 5km e 10km do Mundial anterior, em Roma. Os brasileiros Luiz Barros (1h55m10), Linecker Denardi (1h58m40) e Lucas Oliveira (1h59m00) ficaram com o 25º, 29º e 30º lugar.

Segundo informou a supervisora de maratonas da CBDA, Christiane Fanzeres, a água da Baía de Setúbal começou com temperatura de 20 graus, que foi baixando gradativamente até o final da disputa. Vários atletas não completaram a prova sentindo a água fria, entre eles os brasileiros Victor Simões, Bernardo Figueiredo e Diogo Villarinho.

A seleção brasileira participa da 3ª etapa da Copa do Mundo FINA Maratonas Aquáticas com recursos dos Correios, Bradesco/Lei de Incentivos Fiscais, Lei Agnelo/Piva e Speedo.

Prova Feminina:
Djenyfer Arnold (UNISUL – SC)
Lauren de Oliveira Goulart (GNU – RS)
Monick Avelino Perez (Corinthians – SP)

Prova Masculina:
Bernardo Spier de Figuiredo (GNU – RS)
Diogo Andrade Villarinho (MTC – MG)
Lucas Cortini de Oliveira (SESI – SP)
Luiz Gustavo Gomes de Barros (SERC/SC – SP)
Victor Pires Simões (ACEB – BA)

Treinadores:
Prof. Alexandre Gonçalves de Oliveira (GNU – RS)
Prof. Fernando Possenti (SESI – SP)

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook