Atletas do Fluminense são destaques no primeiro dia da 17ª Taça Brasil

Ingrid Oliveira e Ian Matos atingem o índice B do FINA Grand Prix 2018 / Foto: CBDA/DivulgaçãoIngrid Oliveira e Ian Matos atingem o índice B do FINA Grand Prix 2018 / Foto: CBDA/Divulgação

Rio de Janeiro - Com dobradinha no feminino e vitória de Ian Matos no masculino, os atletas do Fluminense se destacaram no primeiro dia de competição da 17ª Taça Brasil de Saltos Ornamentais, que começou nesta quarta-feira (06/12) e vai até sábado (09/12), no Maria Lenk.
 
A competição é seletiva para o Circuito Internacional de Saltos Ornamentais (FINA Grand Prix) e para os Jogos Sul-Americanos da ODESUL de 2018. Dentre os nove clubes presentes, o Fluminense se destacou e somou 68 pontos, nesta quarta-feira (06). 
 
No masculino, o atleta do Fluminense, Ian Matos, venceu a prova de trampolim de 3m, com a pontuação de 380,95 e com tal marca, atingiu o índice B do FINA Grand Prix 2018, que é de 379,25. Luis Felipe Moura e Kawan Pereira, atletas do Centro Olimpico do Gama, do DF, conquistaram a segunda e terceira colocações, respectivamente. 
 
Já no feminino, Ingrid Oliveira, também atleta do Fluminense, conquistou a primeira colocação, com 287,05 pontos e superou o índice B de 257,40 do FINA Grand Prix 2018. Danielle Robles, parceira de clube de Ingrid, ficou com a segunda posição e Natali Cruz, do Anado, de Santa Catarina, com a terceira colocação. 
 
Mesmo não conquistando a primeira posição, nem atingindo o índice, o primeiro dia de competição foi de extrema felicidade para a atleta do Fluminense, Danielle Robles. 
 
“Estou muito feliz por ter conquistado essa colocação. Tenho a Ingrid como a pessoa que me inspira a continuar nos Saltos. Estou muito contente de ter tido essa dobradinha de Fluminense e espero no ano que vem, mostrar ótimos resultados”, disse Robles. 
 
Resultados (06/12):
 
Masculino (Trampolim de 3m)
1 - Ian Matos - Fluminense/RJ: 380,95 
2 - Luis Felipe Moura - Centro Olimpico do Gama/DF: 344,75
3 - Kawan Pereira - Centro Olimpico do Gama/DF: 318,45
 
Feminino (Plataforma)
1 - Ingrid Oliveira - Fluminense/RJ: 287,05
2 - Danielle Robles - Fluminense/RJ: 201,30
3 - Natali Cruz - Anado/SC: 199,80 
 
A Taça Brasil é a primeira tentativa de índice, todavia os atletas terão uma segunda oportunidade no Troféu Brasil, que será realizado em abril de 2018. Lembrando que o índice A é custeado pela CBDA, já o índice B, é pelo próprio atleta. 
 
As provas continuam nesta quinta-feira (07), a partir das 9 horas, com as eliminatórias da prova 5 - plataforma masculino e prova 6 - trampolim 3m feminino. As finais acontecem à partir das 14h30, no Parque Aquático Maria Lenk, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. A entrada é gratuita para o público.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook