Bolt revela vaias que quase o fizeram desistir de correr em 2006 | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Bolt revela vaias que quase o fizeram desistir de correr em 2006

Bolt quase parou aos 19 /  Foto: Thiago Diz / Mano a Mano

Rio de Janeiro - Usain Bolt revelou que chegou perto de desistir da corrida em 2006, quando foi vaiado por fãs jamaicanos depois de parar no meio de uma prova após puxar o tendão. A estrela, que à época tinha apenas 19 anos, competia no Estádio Nacional, em Kingston, Jamaica, na prova dos 4 x 400m. 

Como ele saiu mancando da pista, alguns espectadores da casa decidiram vaiar o atleta. Alguns até gritavam que ele simplesmente desistiu porque sabia que não iria ganhar.
 
Em um trecho exclusivo do seu novo livro, "Mais Rápido Que Um Raio: Minha Autobiografia", Bolt descreve como o incidente o fez questionar sua habilidade como um velocista de nível superior e seu desejo de continuar sua carreira.
 
O jamaicano escreveu sobre suas dúvidas quanto a suas habilidades. "Honestamente, eu nunca tinha imaginado que uma multidão de jamaicanos - meus conterrâneos que me aplaudiram quando eu ganhei o Campeonato Mundial Júnior em 2002 - me vaiaria quando eu saísse fora da pista, em Kingston", confessou. 
 
"Primeiro de tudo eu questionei a minha capacidade: eu não sou bom o suficiente para este esporte", lembra o atleta. Bolt diz que depois também colocou em xeque os fãsjamaicanos. "Uau, eu fui vaiado na frente da minha torcida nacional, quando eu estava dando o meu melhor", afirma. 
 
Felizmente para o mundo do atletismo, uma conversa com seu treinador Glen Mills foi suficiente para Bolt ver sentido naquelas vaias e continuar em seu caminho para se tornar o homem mais rápido do mundo.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook