Renato Rezende e Priscilla Stevaux disputam etapa da Copa do Mundo

Os dois atletas Shimano buscam um bom resultado para ficarem próximos da vaga na Olimpíada Rio 2016 / Foto: Craig Dutton / UCIOs dois atletas Shimano buscam um bom resultado para ficarem próximos da vaga na Olimpíada Rio 2016 / Foto: Craig Dutton / UCI

Holanda - Na reta final para garantir uma vaga nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, três atletas do Shimano Sports Team têm importantes desafios neste fim de semana no exterior.
 
Enquanto o carioca Renato Rezende (GT/FOP/Shimano) e a paulista Priscilla Stevaux (Caixa/Shimano/PowerCycles) disputam a etapa holandesa da Copa do Mundo de BMX, em Papendal, sábado e domingo (7 e 8), o catarinense Ricardo Pscheidt (Trek/Shimano) vai atrás de pontos nos rankings internacionais na Copa Chile Internacional, no domingo, em La Ligua.
 
Renato Rezende e Priscilla Stevaux vão à pista para realizar os treinos oficias no sábado pela manhã. À tarde será disputada a fase classificatória e o Time Trial (Contrarrelógio), destinada aos melhores colocados no ranking geral do torneio. No domingo, será vez das fases finais da Copa do Mundo. Os dois pilotos encaram a competição de formas diferentes. Para Rezende, a competição holandesa será a primeira após fraturar a clavícula, em fevereiro.
 
"Me dediquei ao máximo para minha recuperação e fiz tudo que meu médico, fisioterapeuta e técnico falaram para eu fazer. Dei meu 100% para voltar. É difícil falar em resultado, porém, espero andar bem e pegar ritmo de prova. Querendo ou não, sem competir perdemos ritmo e nessa etapa posso melhorar isso. Para mim, a classificação final, seja ela qual for, me deixará satisfeito", destaca Rezende, que seguirá na Holanda após a Copa do Mundo de BMX para continuar os treinamentos de forma intensiva.
 
Já para Stevaux será a volta a uma de suas pistas favoritas e a possibilidade de praticamente garantir sua vaga na Rio 2016. "Estou contente porque esta era uma das corridas que mais esperava no ano, por ser em uma das minhas pistas favoritas. Me identifico com os saltos e gosto muito de treinar e competir aqui em Papendal", revela Priscilla. 
 
"Essa será a última corrida para a decisão da vaga no Campeonato Mundial e, se tudo der certo, em consequência de um bom resultado, eu garantiria também a classificação nos Jogos Olímpicos. Estou na frente da minha concorrente e animada, mas, tenho consciência de que terá de ser minha melhor prova no ano, porque outros países também definirão seus representantes na Rio 2016, o que eleva ainda mais o nível da disputa", avalia a sorocabana.
 
Copa Chile Internacional - Após o vice-campeonato na Fecha Copa Nacional, na Costa Rica, o catarinense Ricardo Pscheidt vai para a segunda de quatro provas em sequência, a fim de garantir uma vaga na Rio 2016. O desafio dessa vez será a Copa Chile Internacional, em La Ligua, no Valle Hermoso, competição em um circuito inédito e que ofertará 30 pontos aos campeões. "Diferentemente da prova na América Central, aqui no Chile terei a concorrência direta do Rubinho Valeriano, meu rival caso o Brasil obtenha a segunda vaga na Olimpíada. E, diferente de mim, ele está descansado, o que pode dificultar para mim", analisa Pscheidt.
 
"Ao contrário da Costa Rica, aqui em La Ligua está muito frio. É preciso tomar cuidado com essas mudanças bruscas de temperatura. Já sobre a pista, não possui muitas dificuldades técnicas, porém, conta com subidas bem íngremes. No restante, os trechos são sinuosos em áreas de campos", conta o catarinense. Após a competição chilena, Pscheidt voltará ao Brasil para disputar mais 70 pontos na Copa Internacional de MTB, em São João del-Rei, e em seguida fechará o ciclo olímpico no Abierto da Argentina de XCO, dia 22 de maio, em Córdoba, quando mais 30 pontos estarão em jogo.
 
X-Terra Brazil - A campineira Sabrina Gobbo (Trek/Shimano/Pearl Izumi) está em Ilhabela, onde disputará o X-Terra Brazil neste sábado. Serão 1,5 km na natação, 22,2 km no mountain bike e outros 9,3 km no trail run. "Treinei como sempre faço para as competições de X-Terra, sem alterar minha rotina. Diferentemente do esperado, não teremos estrangeiras, mas ao mesmo tempo mais mulheres competirão no profissional, o que aumenta a concorrência", conta Sabrina. "A Ilhabela é meu percurso favorito. Infelizmente tiraram dois quilômetros de trilha no trecho mais travado que tinha, o que é ruim para mim, porque sempre fui bem nesse parte da disputa. De qualquer forma, darei meu melhor em busca do lugar mais alto do pódio", complementa.
 
Weber Shimano Ladies Power - A equipe latino-americana de ciclismo de estrada, Weber Shimano Ladies Power, segue nos Estados Unidos onde realiza sua temporada de cinco provas em cerca de 45 dias. Após a estreia na Joe Martin Stage Race, o quinteto formado por Luciene Ferreira (Brasil), Mercedes Fadiga e Catherin Previley (ambas da Argentina) e Jessenia Meneses e Rocío Parrado (ambas da Colômbia), compete no Tour of the Gila, iniciado na quarta-feira (4) e com término no domingo (9). A competição no estado do Novo México conta ainda com o Suporte Neutro Shimano, serviço de apoio aos ciclistas presente nas principais provas de ciclismo do mundo.
 
Após a realização de duas das cinco etapas previstas, a colombiana Rocío Parado segue na melhor colocação entre o quinteto da Weber Shimano Ladies Power. Após a 10ª colocação na abertura, Rocío foi a 18ª nesta quinta-feira (5). A classificação geral tem a norte-americana Mara Abbott (Amy D Foundation) na liderança, com o acumulado de 6h50min59. Rocío Parrado é a 13ª, a 3min51 da lider, e a argentina Jessenia Meneses a 6ª colocada na disputa do sub-25.
 
Giro da Itália - Começou nesta sexta-feira (6) a 99ª edição do Giro da Itália, uma das três mais tradicionais provas de ciclismo do mundo. Com o início na Holanda e o término na Itália, a luta pela camisa rosa, de campeão geral, terá 21 etapas e contará com transmissão diária dos canais ESPN. A primeira disputa, realizada na cidade holandesa de Apeldoorn, foi o contrarrelógio (TT), com um percurso de 9,8 km, vencida pelo holandês Tom Dumoulin (Giant-Alpecin).
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Curta - EA no Facebook