Douglas Brose revela expectativa para a primeira competição do ciclo olímpico

Douglas Brose / Foto: Giovanni BelloDouglas Brose / Foto: Giovanni Bello

São Paulo - Cada vez mais perto da Olimpíada de 2020 no Japão, o carateca Douglas Brose tem, neste mês, uma importante competição pela frente. Do dia 25 ao 29, o brasileiro estará em Cochabamba, na Bolívia, para disputar os Jogos Sul-Americanos, a primeira competição do ciclo olímpico.
 
Líder do ranking mundial na categoria Kumite até 60kg, o lutador destaca a importância da competição. “Será um torneio de grande importância e estou muito focado em conquistar mais uma medalha. Os Jogos Sul-Americanos dão vaga para os Jogos Pan-Americanos do próximo ano, por isso é fundamental que eu tenha um bom desempenho. Se terminar em primeiro ou segundo, já garanto minha vaga para os Jogos Pan-Americanos. Além disso, o Sul-Americano é a primeira competição do ciclo olímpico, já que em 2019 teremos o Pan-Americano e 2020 a Olimpíada”, ressaltou o atleta, que é terceiro-sargento do Exército Brasileiro.
 
Mas, antes de embarcar para a Bolívia, Brose terá um período de treinamento com a Seleção Brasileira. Do dia 13 ao 23, em Salvador, o lutador estará com outros nove atletas para os ajustes finais antes dos Jogos Sul-Americanos. “Na verdade nada mais é do que um período de total concentração. Vamos treinar juntos durante 10 dias e acertar os últimos detalhes para o campeonato na Bolívia. Essa reunião com os outros atletas é legal também para fortalecer a união de todos e até para um dar força ao outro, uma palavra de confiança é sempre importante para todos chegarem bem”, concluiu.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook