Eliane Sampaio, de volta à Seleção Individual de Ginástica Rítmica, disputa Copa do Mundo

Eliane Sampaio está de volta à Seleção Individual  / Foto: Ricardo Bufolin/Photo&GrafiaEliane Sampaio está de volta à Seleção Individual / Foto: Ricardo Bufolin/Photo&GrafiaUcrânia - De volta à Seleção Brasileira Individual de Ginástica Rítmica após ter conquistado três ouros com o Conjunto nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no México, em outubro, Eliane Sampaio representará o País na etapa da Ucrânia da Copa do Mundo, em Kiev, de 16 a 18 de março.

Os treinos e a competição serão realizados no ginásio Sport Palace. A ginasta embarca para a Europa na próxima terça-feira (13), no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo.

Eliane vai iniciar o ano com uma novidade. Na Ucrânia, ela estreará coreografia com o aparelho bola, montada em dezembro. "Comecei a treinar essa série há um mês e meio. É pouco tempo, mas já me adaptei bem a ela. Também trabalhei bastante nos outros aparelhos (maças, fita e arco), com as mesmas coreografias do ano passado, e vou fazer o meu melhor. Quero voltar ao ritmo do Individual. O resultado será consequência."

A etapa de Kiev da Copa do Mundo será disputada por 41 atletas de 29 países, entre eles Rússia, Ucrânia, Áustria, Bielorrússia, Bulgária, Croácia e República Tcheca. Segundo Eliane, as adversárias mais difíceis devem ser mesmo as donas da casa, além das russas e das búlgaras. "Esses três países são os mais fortes. Mas, de um modo geral, o nível estará alto. Será uma boa competição", avaliou a brasileira, que destacou a contribuição de sua passagem pelo Conjunto para sua carreira. "Foi uma experiência muito boa. Os treinamentos eram muito intensos e melhorei em resistência e agilidade."

Voltar para a Seleção Individual foi uma escolha da ginasta, que defende o Grêmio Náutico União, do Rio Grande do Sul. "Comecei a faculdade de educação física e quero investir nessa profissão aqui no Sul. E também quero aumentar minha vivência no Individual. Mas não significa que é uma decisão definitiva. Nunca sabemos o que virá pela frente e o Conjunto me fez muito bem", comentou.

Eliane viaja para a Ucrânia com a técnica Anna Danielyan. A treinadora analisou o torneio. "As adversárias são sempre fortes e sabemos que nosso tempo de preparação foi pequeno, mas vamos concentradas para competir da melhor maneira possível. Ela está bem, evoluiu ainda mais no Conjunto e esse será um bom teste antes das disputas nacionais deste ano". Também vai à Copa do Mundo a árbitra brasileira Maria da Conceição Costa.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook