Mikael de Jesus, uma das atrações do Brasileiro Sub-23 | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Mikael de Jesus, uma das atrações do Brasileiro Sub-23

Entre os inscritos estão vários líderes do Ranking Brasileiro no masculino e no feminino, prontos para a luta por medalhas na competição, que reunirá cerca de 500 atletas, representando 76 clubes de 16 Estados e do Distrito Federal.
 
Entre as atrações está o paranaense Mikael Antonio de Jesus (FECAM-PR), líder dos 400 m com barreiras, com 50.12, marca obtida em São Bernardo do Campo (SP), em 12 de março. Na Arena Caixa, na mesma cidade, o atleta ganhou a medalha de bronze no Troféu Brasil Caixa de Atletismo no dia 11 de junho, com 50.41.
 
No ano passado, o atleta nascido a 19 de agosto de 1997, na cidade de Primeiro de Maio, terminou em quarto lugar no Ranking Mundial Sub-20 da IAAF nos 400 m com barreiras, com 49.62, marca obtida com a conquista da medalha de prata no Campeonato Ibero-Americano Caixa, evento-teste para os Jogos Rio 2016, disputado em maio, no Estádio Olímpico do Engenhão. A marca é recorde sul-americano sub-20.
 
Mikael ficou muito perto do pódio na final do Campeonato Mundial Sub-20 de Bydgoszcz, na Polônia, em julho de 2016. Ele cruzou a linha de chegada em quarto lugar, com 50.06. Antes, nos Jogos Olímpicos da Juventude de Nanquim, na China, Mikael também terminou em quarto lugar, com 51.30. Na semifinal, quando correu a prova em 51.12 estabeleceu o recorde sul-americano sub-18, válido até hoje.
 
“Depois do período de descanso, ele estava fazendo treinos mais longos, de base. A partir de agora, vai soltar um pouco para chegar mais rápido a Porto Alegre”, comentou o técnico Paulo Cesar da Costa, da FECAM, que levará 16 atletas para o Brasileiro. “Teremos uma equipe competitiva”, concluiu.
 
O último torneio nacional Sub-23 foi realizado em 2014, no Estádio Ícaro de Castro Mello, no Ibirapuera, em São Paulo, ainda quando era interseleções, com vitória de São Paulo, com a conquista de 71 medalhas, sendo 21 de ouro, 27 de prata e 23 de bronze.
 
Rio de janeiro ficou na segunda colocação no quadro, com 20 medalhas (nove ouros, seis pratas e cinco bronzes), seguido do Distrito Federal, com seis (três ouros, uma prata e dois bronzes).
 
Mais informações acesse o hotsite da competição:
http://www.cbat.org.br/competicoes/brasileiro_sub23/2017/default.asp

Veja Também: 

 

 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook