Marcus ressalta experiência por equipes e foca no individual

O jovem arqueiro de 18 anos está em período de treinos e competições fora do Brasil em junho / Foto: DivulgaçãoO jovem arqueiro de 18 anos está em período de treinos e competições fora do Brasil em junho / Foto: Divulgação

Rio de Janeiro - A equipe brasileira de Tiro com Arco tinha um desafio complicado neste sábado (6). Enfrentar os chineses no confronto que valia uma vaga nas quartas de final dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, no Sambódromo lotado por uma torcida brasileira empolgada para empurrar Marcus D’Almeida, Bernardo Oliveira e Daniel Xavier.
 
O confronto começou melhor para os chineses, que abriram 4 a 0 nos dois primeiros sets. No set seguinte, com grande atuação de Marcus D’Almeida, o Brasil conseguiu diminuir para 4 a 2, mas não resistiu no seguinte e acabou perdendo por 6 a 2.
 
Aos 18 anos, Marcus ressaltou a ótima experiência vivida no confronto em sua primeira Olimpíada. "Cara, é indescritível. Eu só tenho a agradecer pelo apoio de todo mundo. A torcida deu muito apoio. Nosso país não tem tradição no tiro com arco, a gente não tinha expectativa de ganhar uma medalha, mas sabíamos que éramos capazes. Até o terceiro set a gente estava acreditando que poderia levar. É muito bom sair de cabeça erguida e ainda mais recebendo esse carinho", afirmou o brasileiro ao Globoesporte.com.
 
Ao fim da competição, a medalha de ouro foi mais uma vez para a Coreia do Sul, país com maior tradição na modalidade, que venceu os Estados Unidos por 6 a 0. O bronze foi para a Austrália, que venceu justamente os chineses na final por 6 a 2. 
 
Marcus volta a competir na segunda-feira (08), no individual. Ele vai enfrentar o americano Jake Kaminski (31º) no primeiro combate eliminatório, a partir das 16h18. Se vencer, Marcus ficará entre os 32 do mundo, buscando uma vaga nos combates de oitavas, quartas, semifinal e final ao decorrer da próxima semana.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook