Brasileiro Caixa de Mirins Interclubes tem três recordes | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Brasileiro Caixa de Mirins Interclubes tem três recordes

Tainara Abreu vence os 80 m com barreiras e bate recorde brasileiro / Foto: Wagner Carmo / CBAt

Rio de Janeiro - Com três novos recordes nacionais, o Campeonato Brasileiro Caixa Interclubes de Mirins de Atletismo teve uma tarde agitada neste sábado dia 18, no Estádio Adhemar Ferreira da Silva, no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, na Vila Clementino, em São Paulo. A competição, que reúne de 800 atletas de 121 equipes de todas as regiões do País, termina neste domingo dia 19.
 
Um dos destaques deste sábado foi a mato-grossense Tainara Gonçalves de Abreu (ASA Sorriso), que bateu duas vezes o recorde brasileiro dos 80 m com barreiras. Pela manhã, ela correu as semifinais em 11.73 (-0.9) e, à tarde, conquistou a medalha de ouro, com 11.67 (-2.4). O melhor resultado anterior era de Milena Rodrigues Costa, com 11.80, desde 2013.
 
Taianara, de 15 anos, chorou muito logo após cruzar a linha da chegada na final. Chorou ainda mais quando boa parte da equipe de Sorriso, de Mato Grosso, foi abraçá-la na saída da pista. "Meu objetivo era o recorde, mas não esperava conseguir nas semifinais. Foi realmente uma surpresa. Procurei me concentrar na final e acabei melhorando mais a marca", comentou a atleta, que há 8 anos integra o Projeto Sementes de Ouro e há 1 ano faz a prova de barreiras.
 
Outro destaque foi o paulista Daniel Afonso Nunes (GR Barueri), novo recordista brasileiro do lançamento do martelo até 15 anos, com a marca de 64,24 m. Ele melhorou em quase cinco metros seu melhor resultado anterior e, mesmo depois de quase meia hora, ainda não acreditava no resultado, obtido na sexta e última tentativa. "Entrei na prova para fazer a minha melhor marca, alcançar a casa dos 60 m, mas nem nos meus sonhos pensava em mais de 64 m", admitiu o atleta, que obteve cinco marcas acima dos 60 m. "Agora sei que posso superar meus limites, me dedicando ainda mais", completou o lançador.
 
O outro recorde do dia foi estabelecido pelo catarinense Matheus Gabriel Correa (AABLU) nos 5.000 m marcha. Ele conquistou o bicampeonato brasileiro da prova, com 23:31.18. O recorde anterior era dele mesmo, desde o ano passado, com 25:32.8. O marchador fez uma prova perfeita, ganhando com mais de 3 minutos de vantagem sobre Luís Gabriel da Silva (IEMA), medalha de prata.
 
"Marcha não tem segredo. É treinar muito e sempre, faça chuva ou faça sol", disse o atleta, ex-meio-fundista, nascido em Blumenau. "Me despeço do mirim muito feliz e confiante", completou o marchador, de 15 anos, que em setembro ganhou a medalha de ouro no Brasileiro Caixa de Menores (até 17 anos) de Seleções, disputado em Recife (PE).
 
Depois do segundo dia de competições, o ASA Sorriso (MT) ampliou a liderança na classificação geral, com 67 pontos. O GR Barueri (SP) assumiu a segunda colocação, com 44, seguido do Centro Olímpico (SP), com 39,5, da Sogipa (RS), com 38, e da Brasil Foods/ILF (RJ), com 34,3 pontos.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook