Mais de 200 atletas na abertura do Estadual de Duathlon do RJ | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Mais de 200 atletas na abertura do Estadual de Duathlon do RJ

Disputa foi acirrada / Foto: FTERJDisputa foi acirrada / Foto: FTERJ

Rio de Janeiro - Mais de duzentos atletas participaram da etapa de abertura do Estadual de Duathlon, sob sol impiedoso, forte calor mas em clima de grande confraternização da família FTERJ.

A prova do Estadual teve grandes disputas, excelente nível técnico e emoção do começo ao fim. Logo após a largada, o pelotão dianteiro formado por Arthur Cortez (Equipe Cordella – Rio de Janeiro/RJ), Ernani de Souza (Unimed – Conselheiro Lafayette/MG), Josias Nepomuceno (Equipe ATP – Rio de Janeiro/RJ e Miguel Morone Neto (Equipe Tri-GMar – Rio de Janeiro/RJ) assumiram a liderança e fizeram uma etapa administrando suas posições. Pequenas alterações no pelotão aconteciam vez por outra, mas o comando da prova esteve sob controle do quarteto fantástico.
 
Ernani, Arthur e Josias entregaram suas bikes com pouca diferença entre eles. Miguel ficou um pouco mais atrás e a diferença se manteve até o final da prova que teve excelente nível técnico com atletas como Talles Medeiros (Buffet Marcezinha – Belo Horizonte/MG) o incansável Gerardo Pereira Lima Filho (Marlokko Surfwear – Vila Velha/ES) e Cristian Pereira da Cruz (Cicle Itaipú – Niterói/RJ), e outros excelentes participantes.
 
No feminino, deu a lógica e Leila Rocha (Carlos Eugenio CE+3) confirmou seu favoritismo, em grande fase, à frente de Monica Soares Pereira (Voight – Rio de Janeiro/RJ) e a fantástica Rita Correia (Niterói/RJ), voltando aos treinos e provas em grande estilo, após seu projeto super-especial de vida que trouxe ao mundo mais um triatleta, Guilherme, fruto de sua união com um de nossos maiores ídolos: Marcus Ornellas. Marquinhos, exerceu apenas a função de pai dedicado, e acompanhou atentamente o desempenho de Ritinha ao lado do filho. Muito bom ter Rita de volta às nossas competições !
 
A criançada mais uma vez fez a festa das categorias infantil e infanto-juvenil, e mexeu com a emoção de pais, acompanhantes e atletas, demonstrando que a categoria veio para ficar e está em crescimento. 
 
A surpresa no Fitness foi a participação de Daniel Gaspary, também retornando às competições. Caveirinha, como é chamado entre amigos, já foi campeão mundial de Triathlon na categoria de 20 a 24 anos. Hoje, com 33 anos, empresário, ralando muito no batente, resolveu diminuir o Chopp e retomar o prazer de participar das competições. Um privilégio para nós, te-lo conosco. Francisco Adriano da Silva (Avulso – Rio de Janeiro/RJ) venceu a prova, Daniel Gaspary (GLuz – Rio de Janeiro/RJ) foi o segundo e Paulo Cesar da Silva (Marinha do Brasil – Rio de Janeiro/RJ) foi o terceiro. No feminino o lugar mais alto do pódium ficou com Luiza Laborão (Avulsa – Rio de Janeiro/RJ) tendo Giselle Gomes de Paula (Carlos Eugenio CE+3 – Niterói/RJ) em segundo e Marcelle Salaverry (Avulsa – Rio de Janeiro/RJ) em terceiro.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook