Com 3 equipes, Seleção Brasileira enfrenta os melhores do mundo na Espanha | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Com 3 equipes, Seleção Brasileira enfrenta os melhores do mundo na Espanha

Ederson Vilela integra equipe masculina que disputará o Mundial de Cross, na Espanha  / Foto: Marcelo Ferrelli/CBAtSão Paulo - A baiana Simone Alves da Silva, campeã brasileira e sul-americana da modalidade, é considerada a mais forte concorrente do País na disputa do 41º Campeonato Mundial de Cross Country, que será realizado neste domingo, dia 20 de Março, na cidade de Punta Umbria, na região de Andaluzia, no litoral sul da Espanha. A seleção brasileira competirá com três equipes completas, selecionadas no Sul-Americano de Assunção, no Paraguai: adulto masculino, adulto feminino e juvenil masculino.

A missão dos brasileiros não será fácil, pois a competição terá a presença dos fortes países africanos. "Na verdade, vamos correr contra o resto do mundo, tirando os africanos, que são donos da prova", comentou o técnico Ricardo DAngelo, da BM&FBovespa e do Conselho Técnico da CBAt, que acompanha a Seleção na viagem. "Acho que a Simone, por estar em ótima forma, deverá brigar para ficar entre as 30 primeiras, o que já seria um grande resultado." 

A prova feminina adulta terá 8 km e Simone contará com três companheiras na equipe: Tatiele Roberta de Carvalho, Camila Aparecida dos Santos e Maria Lúcia Alves Vieira Moraes. "Sei que a competição é muito difícil, mas vou correr o melhor que puder. Não adianta pensar nas adversárias. Vou tentar buscar a melhor classificação possível", disse Simone, treinada por Adauto Domingues, vice-campeã da São Silvestre de 2010.

A seleção brasileira, que terá, além de Ricardo DAngelo, o técnico Ronaldo Quirino de Moraes, conta com a equipe masculina adulta (12 km): Joilson Bernardo da Silva, Éderson Vilela Pereira, Israel dos Anjos, Leandro Prates Oliveira e Clodoaldo Gomes da Silva.

O Brasil classificou também a Seleção Masculina Juvenil, em prova de 8 km, com João Luís Ferreira Prado Filho, Ioran Fernandes Etchechury, Guilherme Ademilson dos Anjos Santos e Ataíde Felipe de Souza.

No torneio do ano passado, disputado em Bydgoszcz, na Polônia, os vencedores foram os quenianos Emily Chebet, no feminino, e Joseph Ebuya, no masculino. Em 2009, em Omã, na Jordânia, a queniana Florence Kiplagat venceu o feminino e o etíope Gebremariam Gebre-eqziabher ganhou no masculino.

Este ano, entre os favoritos no masculino estão o queniano Geoffrey Mutai e o etíope Hunegaw Mesfin. No feminino, a queniana Linet Masai, campeã da seletiva de seu país, é apontada como favorita.

A competição espanhola distribuirá US$ 280 mil em prêmios, sendo que os campeões do masculino e do feminino ficarão com US$ 30 mil. A largada da prova do juvenil masculina está prevista para as 8 horas de Brasília. Já o adulto feminino larga às 8:45 - 55 minutos antes do adulto masculino, que fecha o Campeonato Mundial.
 

 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook