O Atletismo brasileiro começa a chegar à Vila Olímpica | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

O Atletismo brasileiro começa a chegar à Vila Olímpica

Vitor Hugo já treina no Estádio Olímpico / Foto: Maiara Batista/CBAtVitor Hugo já treina no Estádio Olímpico / Foto: Maiara Batista/CBAt

Rio de Janeiro - O Estádio Olímpico do Engenhão recebe os últimos acertos para o torneio de Atletismo dos Jogos do Rio 2016, que começa na sexta-feira (dia 12), a partir das 09:30, com a prova de qualificação do lançamento do disco masculino.
 
O primeiro nome da Seleção Brasileira a entrar na pista é Vanessa Chefer Spínola, às 09:35, na prova dos 100 m com barreiras, válido pela disputa do heptatlo.
 
Nesta quarta-feira (10), os primeiros atletas do Atletismo nacional entram na Vila Olímpica. Além de Vanessa Chefer Spínola, outros 19 atletas compõe este primeiro grupo, entre eles o velocista Vitor Hugo dos Santos, que fará os 100 m e o revezamento 4x100 m. Nesta quarta, Vitor Hugo já treinou na pista do Engenhão, com atletas de vários países. O treinador do atleta, Vitor Fernandes, está animado com a forma do atleta: "O Vitinho está treinando muito bem, temos esperanças de que ela obtenha uma boa classificação."
 
Os outros 17 atletas desse primeiro grupo a entrar na Vila: Hederson Estefani (400 m com barreiras) Kleberson Davide e Lutmar Abreu Paes (800 m) Augusto Dutra (salto com vara) Higor Alves (salto em distância) Caio Bonfim, José Alessandro Bagio e Moacir Zimmermann (20 km marcha) Rosângela Santos, Ana Claudia Lemos e Franciela Krasucki (100 m e 4x100 m) Geisa Coutinho (400 m, 4x400 m) Tatiele de Carvalho (10.000 m) Juliana dos Santos (3.000 m com obstáculos) Keila da Silva Costa (trilo e salto em distância) Nubia Soares (triplo) Geisa Arcanjo (arremesso do peso).
 
Os demais atletas continuam instalados na Comissão Desportiva da Aeronáutica, no Campo dos Afonsos, em Curicica, na zona Oeste do Rio de Janeiro.
 
Quanto aos equipamentos do Estádio do Engenhão, os árbitros e funcionários continuam a trabalhar, embora sem impossibilitar o treinamento dos atletas. "Estamos terminando de instalar a gaiola (para as provas de lançamento do disco e do martelo)", disse Martinho Santos, diretor do torneio de Atletismo. "A parte interna (pista e campo) já estão em ordem há algum tempo, finalizou o dirigente, que também é superintendente técnico da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt).
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook