Maurren Maggi volta às pistas com vitória em Festival da FPA | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Maurren Maggi volta às pistas com vitória em Festival da FPA

A atleta do São Paulo marcou 6,32 metros e ficou com a medalha de ouro no salto em distância do 1º Festival de Velocidade, Saltos, Meio-Fundo e Fundo da Federação Paulista de Atletismo  / Foto: Fernanda Paradizo / ZDLSão Paulo - Após mais de seis meses afastada por contusão, Maurren Maggi voltou às pistas em grande estilo. A atleta do São Paulo marcou 6,32 metros e ficou com a medalha de ouro no salto em distância do 1º Festival de Velocidade, Saltos, Meio-Fundo e Fundo da Federação Paulista de Atletismo (FPA), disputado na quarta-feira, dia 23 de fevereiro, na pista do Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa (COTP), em São Paulo (SP).

"O mais importante é que não estou sentindo nada nos lugares onde estava machucada. Aos poucos vou adquirindo o ritmo das competições. Estou treinando bem e quero fazer uma boa preparação para os Jogos Pan-Americanos", contou a saltadora, que tentará seu terceiro ouro pan-americano, em outubro, no México.

A medalhista de ouro na Olimpíada de Pequim, na China, superou Kauiza Moreira e Anita Leal. Maurren, que contou com o apoio do público e dos outros atletas, acertou quatro dos seis saltos (6,30, 6,32, 6,12 e 5,85 metros). "Foi uma bela volta", concluiu.

O técnico Nélio Moura comemorou o retorno de Maurren e falou sobre os planos para o futuro. "Gradativamente ela vai pegar ritmo e confiança. Nossa ideia é disputar alguns torneios preparatórios, para em maio estar em uma melhor forma".

Nova geração também faz bonito - Rogério Bispo e Caio Cezar Fernandes fizeram um duelo equilibrado também no salto em distância. Após pré-temporada na Europa, Rogério, de 25 anos, atingiu 7,88 metros e ficou com o ouro. "É muito bom vencer, ainda mais no Brasil. Para este ano, pretendo saltar na casa dos 8,30 metros", afirmou o atleta da Orcampi/Unimed, que já registrou 8,21 metros.

Medalha de prata, Caio pretende garantir vaga no Pan-Americano Juvenil e sonha disputar o Pan adulto. "Minha meta é o Pan para minha categoria, mas vou buscar uma vaga no Pan adulto também. Seria um sonho", afirmou o jovem de 17 anos, do Centro de Excelência Esportiva (CEE). "Estou mais experiente e fico menos ansioso antes da competição. Quero estar bem para o Mundial Juvenil (em julho, na França)", completou. Caio foi o destaque brasileiro nos Jogos da Juventude, em Cingapura, no ano passado, com duas medalhas de ouro.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook