Brasileiras deixam a vaga escapar no último salto

Ingrid Oliveira  / Foto: Satiro Sodré / SSPress / CBDAIngrid Oliveira / Foto: Satiro Sodré / SSPress / CBDA

Rio de Janeiro - Nas eliminatórias da plataforma feminina da Copa do Mundo de Saltos Ornamentais, as brasileiras perderam a chance de garantir a vaga olímpica antecipada no último salto. Até a quartao e penúltima rodada, Giovanna Pedroso e Ingrid Oliveira estavam na 15ª e 16ª posição e portanto na semifinal da prova, que garante suas 18 atletas nos Jogos Olímpicos. 
 
No final, Ingrid Oliveira terminou em 24º e Giovanna Pedroso em 27º, com 272,65 e 267,40 pontos, respectivamente. Agora, a oportunidade pode vir após os países confirmarem suas vagas ou não, já que é muito comum abrir mão de vagas em provas individuais.
 
"Existem possibilidades se compararmos com os Jogos de Londres, em que foram somadas mais nove vagas após as 18 da Copa do Mundo, nesta mesma prova. Não está fácil, mas teremos que aguardar pois a decisão ficará mais pra frente. No dia 7 de março, vai ser falado o número de vagas inicial e depois os países vão confirmar quantas vagas ocuparão ou não, mas eles têm até o dia 16 de junho. Estas desistências são bem comum de acontecer nas provas individuais", disse Ricardo Moreira, coordenador de Saltos da CBDA.
 
Ricardo completou analisando o desempenho das brasileiras, "até o quarto salto, elas vinha entre os 18. A Ingrid ainda falta um salto pra completar, em que ela foi bem, mas o grau de dificuldade é baixo e ainda não foi o suficiente para colocá-la entre os 18; já Giovanna, desde o treino, não vinha bem. Entre todos os seus saltos é o que ela tinha mais dificuldade e ainda teve problemas em sua preparação, com contusão nas costas, e quando ficou bem, outra contusão no punho, o que acontece muito na prova de plataforma. Sabíamos que elas tinham que se superar no último salto, principalmente a Giovanna, que fez o que podia, pois a Ingrid, com o grau de dificuldade, não tinha muito o que fazer. Agora é ficar na torcida pra ver se elas conseguem a vaga.
 
O melhor desempenho das eliminatórias ficou com Pandelela Pamg, da Malásia, medalhista de bronze no Mundial 2015, com 360,55 pontos. Ela foi seguida pelas chinesas Yajie Si (360,10) e Ren Qian (353,10), 4ª colocada e prata no Mundial de Kazan, respectivamente.Em Kazan, Giovanna terminou em 22º (301,40) e Ingrid em 27º (291,95). Estas pontuações garantiam as duas na semifinal da Copa do Mundo. Giovanna falou sobre sua performance. 
 
"Eu gostei da minha prova, tirando o último salto, e sei que fiz o que poderia ter feito. Eu tentei dar o extra no último, mas nem no treino estávamos conseguindo e sabíamos que seria difícil esse salto sair bem na competição. Me senti muito animada com a torcida, é uma energia extra competir na sua casa e ver todo mundo torcendo por você. Eu estava lesionada e fiquei um tempo sem treinar, mas achei bons os meus outros saltos e até me surpreendi comigo. Acho que não tenho mais chance nesta prova e agora tenho que focar no sincronizado. Aposto muito nesta prova e acredito muito em mim e na Ingrid. Acho que a gente tem chance de medalha", Giovana Pedroso.
 
Programação
 
Sábado - 20/2
20h às 21h30 - Final Trampolim 3m sincronizado Fem
 
Domingo - 21/2 
10h às 14h - Eliminatória Trampolim 3m Masc
15h às 16h30 - Semifinal Plataforma Fem (18 atletas)
17h30 às 19h - Final Plataforma sincronizada Masc
20h às 21h30 - Final Plataforma Fem (12 atletas)
 
2ª feira - 22/2
10h às 14h - Eliminatória Trampolim 3m Fem
16h às 18h - Semifinal Trampolim 3m Masc (18 atletas)
20h às 21h30 - Final Trampolim 3m Masc (12 atletas)
 
3ª feira - 23/2
10h às 14h - Eliminatórias Plataforma Masc
16h às 18h - Semifinal Trampolim 3m Fem (18 atletas)
20h às 21h30 - Final Trampolim 3m Fem (12 atletas)
 
4ª feira - 24/2
10h às 12h - Semifinal Plataforma Masc (18 atletas)
14h às 15h30 - Final Plataforma Masc (12 atletas)
 
 
 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook