Cinegrafista que derrubou Bolt pede desculpas e dá presente | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Cinegrafista que derrubou Bolt pede desculpas e dá presente

Tao coloca pulseira da amizade em Bolt, como presente / Foto: Reprodução

Rio de Janeiro - Parece que o cinegrafista chinês tao Song, que nesta quinta-feira acabou derrubando o tetracampeão mundial nos 200m Usain Bolt, ficou muito constrangido com a situação. 
 
Tao se reencontrou com o jamaicano nesta sexta-feira, na premiação da prova vencida pelo velocista ontem. No Ninho de Pássaro, ele aproveitou para pedir desculpas a Bolt. 
 
O cinegrafista da emissora chinesa CCTV também quis presentear o Raio com um bracelete da amizade. "O importante é que ele está bem", afirmou ele ao jornal inglês The Guardian. "Eu estou bem e pronto para voltar a trabalhar", finalizou. 
 
O incidente ocorreu quando Bolt dava a volta no estádio, cumprimentando seus fãs. Tao se desequilibrou no seu biciclo motorizado, caiu com a câmera e deu uma espécie de rasteira no corredor, que também foi ao chão. 
 
Bolt lidou com a situação com muito bom humor, já abrindo um sorriso antes mesmo de se levantar. Depois, ainda brincou que Tao foi mandado por Justin Gatlin, seu grande rival americano nas provas de velocidade. 
 
"O boato que está começando agora é que o Gatlin pagou ele", teria dito Bolt, segundo a BBC. Gatlin, também bem humorado, não deixou barato. "Vou pedir o meu dinheiro de volta", respondeu.
 
Veja Também: 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook