Brasileiros do salto com vara decepcionam no mundial Indoor | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Brasileiros do salto com vara decepcionam no mundial Indoor

Thiago Braz ficou na 12ª colocação / Foto: Wagner Carmo / CBAtThiago Braz ficou na 12ª colocação / Foto: Wagner Carmo / CBAt

EUA - Fabiana Murer, Thiago Braz e Augusto Dutra participaram no início da madrugada desta sexta-feira (18), no horário de Brasília, do primeiro dia de competições do Campeonato Mundial Indoor de Atletismo, no Centro de Convenções do Oregon, na cidade de Portland, nos Estados Unidos. Os brasileiros do salto com vara bem que tentaram, mas não conseguiram lutar por medalhas na competição, que termina no domingo (20).
 
Fabiana Murer terminou em sexto lugar na prova feminina. Ela ultrapassou 4,50 m e 4,60 m na primeira tentativa e depois não conseguiu passar pelos 4,70 m. Em sua última temporada como atleta, conforme já anunciou, a saltadora tem duas medalhas indoor no currículo: ouro em Doha, no Catar, em 2010, e bronze, em Valência, na Espanha, em 2008.
 
"Estou bem física e tecnicamente, mas alguns detalhes não deram certo. Claro que queria um resultado melhor, que estou chateada. Agora é fazer bem feito o meu trabalho e saltar alto na Olimpíada", disse a atleta à SporTV.
 
A disputa da medalha de ouro da prova ficou entre as norte-americanas Jennifer Suhr e Sandi Morris para a alegria da torcida, que lotou os 7.000 lugares do Centro de Convenções do Oregon. Jennifer, campeã olímpica, levou o ouro, com 4,90 m, novo recorde do Mundial. Sandi, que na semana passada conquistou o título norte-americano, ficou com a prata, com 4,85 m.
 
Na prova masculina, Thiago Braz, terceiro colocado no Ranking Mundial em pista coberta, com 5,93 m, ficou na 12ª colocação, com 5,55 m, sua marca de entrada na prova, superada na segunda tentativa. Ela abriu mão de saltar 5,65 m e falhou duas vezes em 5,75 m. Optou por tentar 5,80 m e também não conseguiu. Já Augusto Dutra passou pelos 5,40 m na segunda tentativa e ficou fora nos 5,55 m, terminando em 14º lugar.
 
O francês Renaud Lavillenie conquistou a medalha de ouro, com 6,02 m, novo recorde do Campeonato. Ele ainda tentou bater o seu próprio recorde mundial indoor (6,16 m), mas não conseguiu superar nas três tentativas a que teve direito os 6,17 m.
 
Na segunda etapa do Mundial, os catarinenses Darlan Romani e Eliane Martins disputam as finais do arremesso do peso e do salto em distância, respectivamente, enquanto a carioca Fabiana Moraes participa das preliminares dos 60 m com barreiras nesta sexta-feira.
 
Os pódios do primeiro dia de competição:
 
Salto com vara feminino
1-Jennifer Suhr (USA) - 4,90 m
2-Sandi Morris (USA) - 4,85 m 
3-Ekateríni Stefanídi (GRE) - 4,80 m
 
Salto com vara masculino
1-Renaud Lavilenie (FRA) - 6,02 m
2-Sam Kendricks (USA) - 5,80 m
3-Piotr Lisek (POL) - 5,75 m
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook